Quantos estão lendo agora...

Lendo e ouvindo...

sábado, 5 de março de 2011

Sem uma gota de água


Começou o meu Carnaval.
Senti o caos se instalar em casa, ao abrir a torneira da pia para fazer o café e constatar que não saía uma gota sequer de água.
Sem que tivéssemos tido qualquer aviso da administração do prédio a respeito, fomos todos tomados de surpresa.
Por sorte a caixa automática de um dos banheiros ainda estava cheia.
Fiquei assim, como num deserto, sem eira, nem beira.
Para o café, utilizei a água filtrada das garrafas na geladeira. Mas quanto ao resto, como fazer?
Experimentei a sensação doída de escovar os dentes com água gelada, a única disponível.
Não temos idéia do quanto vale uma torneira com água correndo e no entanto, nessas horas, somente nessas horas, lamentamos o desperdício. E olhe que acredito ser somente por algumas horas. Imaginem se fosse para sempre.
Fonte da imagem: guiarioclaro.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário