Quantos estão lendo agora...

Lendo e ouvindo...

domingo, 11 de julho de 2010

Em tempo de espera...


Hoje, estou em tempo de espera...
Às vezes, nenhuma ação é mais benfeitora do que contemplar, apenas ...
Às vezes, nos vemos tão impotentes, tão inativos, que parece que o tempo conspira a nos forçar em direção apenas e tão somente à natureza...
Às vezes é mais elucidativo apreciar os botões das violetas nos vasos da varanda, do que provocar alguma ação, pois só isso bastará para entendermos que é tempo de espera...
Esperar para ver e sentir o dia que amanhece...
Não planejar fazê-lo mais bonito ou produtivo...
Apenas esperar para no final do ciclo tê-lo diante de nós e, com critério, sentir como realmente foi...
Como os botões de flores surgem nas plantas, sem qualquer aviso, devido ao tempo de espera, nós também temos nosso momento de germinação...
11/07/10 - Adir Vieira
Fonte da imagem: cristovaopereira...

Um comentário:

  1. Lindo texto e a vida é mesmo uma espera mágica. Nunca sabemos o que virá no amanhã. Isso nos excita e nos faz querer ir além.
    Belo Post amiga.
    Beijos de luz.
    Goretti

    ResponderExcluir