Quantos estão lendo agora...

Lendo e ouvindo...

sábado, 4 de junho de 2011

Minha alma


Minha alma, cheia de você,vê em tudo motivo de sorrir.

Minha alma, vazia de você,se irrita, se enerva, se dilacera em questões sem solução.

Como pode minha alma lúcida, firme, racional,depender de você, de suas essências, de suas verdades,se é ela, minha alma, quem decide apreender ou expulsar o que você lhe concede?Como pode minha alma, à mercê dos seus encantos,traçar meus caminhos na alegria do ser?.

(Adir Machado Vieira Queiroz da Sila - junho/2011)
Fonte da imagem: escolhas.blog.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário