Quantos estão lendo agora...

Lendo e ouvindo...

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Adeus...


Descobri ainda há pouco que ele me abandonou para sempre.Acompanhou-me por seis longos anos, fiel a mim e eu a ele, já que o elegi como meu predileto.Há uns dois anos atrás, na tentativa de se mostrar cansado de me servir em tanto puxa e ajeita, exibia um “furinho” aqui, outro acolá e eu não me intimidava em usar “minhas mãos de fada” para resolver o problema.Se minhas medidas mudavam em função do sobrepeso, lá ia eu e aplicava-lhe um extensor como adereço, ao que o coitado reclamava esgarçando o próprio tecido, a fim de me provar que não servia mais.Descorou, manchou, desprendeu rendas, colchetes quebrou e, num esforço maior, até a alça de sustentação arrebentou, sem que eu admitisse que sem ele ia ficar.Hoje, não teve jeito. Nada mais há a recuperar.Lá se foi pro lixo o meu soutien.

Fonte da imagem:edepoisdoadeus.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário